20/02/2011

REMEMÓRIAS DE LUTÉCIA

















"Paris, os dias chamam sobre a palma
do teu sol escondido, negro e frio."
Carlos Nejar


Enquanto as tílias esperam pelas chuvas
nenhum sol me aquece na lenta despedida
no Sena águas refletem o verde-ouro
das folhas dançantes em águas estanhadas.

Memórias que passeiam no tempo suspenso
espalham-se nas águas que olho e reflito:
além da Pont d´Alma, além da harmonia
que outras imagens irão preencher o vácuo?

Ao desprenderem-se as folhas das tílias
em brônzeos voos de amarelos laivos
aladas formas contra o céu de outono
incendeiam minha manhã tão fria.

No brilho que desnuda as minhas carências
e acende o lume das verdades minhas
na idílica paisagem procuro um rosto:
que outras faces irão preencher a ausência?

Paris, outono,91.

Maria Lucia Nascimento Capozzi
In Album de Retratos
foto de  Rodrigo Vieira Soares no Flickr

Nenhum comentário: